Nome *
Data de Nascimento *
dia-mês-ano
E-mail *
Telefone *
Username *
Password * (duas vezes)

Mínimo 6 caracteres e sem espaços

Morada
Código Postal
Localidade
Profissão
Contribuinte
 

* Campos de preenchimento obrigatório




Confidencialidade
Siga-nos
Topo

    Estas são as 20 fantasias femininas mais comuns

    Exibicionismo, voyeurismo, menage à trois… eis os comportamentos eróticos que povoam o imaginário das mulheres.

    Somos herdeiros de muitos clichés e um deles é que o de que as mulheres não pensam tanto em sexo como os homens ou não têm fantasias sexuais ousadas. Uma ideia que está longe da verdade.

    Exibicionismo, voyeurismo, menage à trois e outros comportamentos eróticos que saem das normas povoam o imaginário feminino.

    Fantasiar é bom e recomenda-se, pela boa saúde que dá às relações amorosas. De acordo com Fernando Eduardo Mesquita, psicólogo e sexólogo clínico, “as fantasias sexuais devem fazer parte da vida de todos os casais. A partilha de fantasias sexuais pode ser o melhor afrodisíaco para o casal recuperar a intensidade do desejo, pois estimula o órgão sexual mais importante: a mente.”

    Eis as 20 fantasias femininas mais comuns, segundo o especialista:

    - Fantasias que antecipam o sexo com o parceiro atual

    - Sexo com um homem que não o parceiro: um amigo ou o companheiro de uma amiga é o mais comum

    - Sexo com outra mulher

    - Sexo com um colega de trabalho

    - Sexo a três, com dois homens

    - Sexo com uma celebridade

    - Receber sexo oral hábil por baixo da secretária no trabalho, ou por baixo da mesa num restaurante

    - Sexo com um desconhecido, sobretudo com um vendedor que chega quando está sozinha em casa

    - Sentir-se irresistível, com uma fila de modelos masculinos aos empurrões para chegarem a si

    - Ser uma profissional do sexo, o derradeiro pecado da “menina bem comportada”

    - Fantasias românticas, sexo escaldante num lugar mágico, como uma praia com areia branca

    - Ser desflorada como uma virgem num sacrifício ritual

    - Ser observada, com um voyeur desesperado por trocar de lugar com a pessoa com quem está a ter sexo

    - Ser “forçada” a despir-se em frente de um grupo de homens

    - Desflorar um homem virgem

    - Ter um exército de homens escravos sexuais

    - Ser “forçada” a ter sexo

    - Ser a estrela principal de um filme porno

    - Ser seduzida por uma figura da autoridade

    - Ser amarrada e espancada ou chicoteada

    Excerto do artigo 'Sem Limites', publicado na LuxWOMAN de fevereiro de 2016.

    Veja mais em Sociedade

    PUB