Nome *
Data de Nascimento *
dia-mês-ano
E-mail *
Telefone *
Username *
Password * (duas vezes)

Mínimo 6 caracteres e sem espaços

Morada
Código Postal
Localidade
Profissão
Contribuinte
 

* Campos de preenchimento obrigatório




Confidencialidade
Siga-nos
Topo

Os pais também brincam com bonecas

E sabem fazer tranças, tirar pastilha elástica do cabelo e que as purpurinas se espalham por todo o lado. Tudo pelas filhas.

Pode pensar-se que, pelo género, os pais brincam mais com os meninos e preferem os carrinhos, a bola de futebol ou a luta livre. Mas não é bem assim. Os pais portugueses também brincam com as filhas e dão-se muito bem a fazer tranças às bonecas ou a fingir que um comando de TV é um microfone, segundo um estudo divulgado pela Barbie.

Cerca de 500 pais portugueses, com filhas menores de 18 anos, participaram no inquérito que conclui que estes sabem perfeitamente como educar uma menina e que conhecem inúmeros truques, como tirar pastilha elástica de cabelos compridos.

É extremamente importante, também, desmistificar os habituais estereótipos de que as raparigas só brincam com bonecas e com purpurinas e que não gostam de jogar futebol ou de se sujar na terra e subir às árvores.

Os dados revelam que 82% dos pais reconhece que é importante mostrar os bons valores às filhas, 68% afirma que as incentivam a serem o que quiserem, 83% diz encorajá-las para terem uma maior confiança, 76% ensina-lhes tarefas do quotidiano e 80% elogia-as pelo que fazem bem, em vez de criticá-las pelo que fazem mal.

O vídeo português desta campanha da Barbie mostra isso mesmo. Três pequenas princesas, cada uma com o respetivo pai famoso: Gonçalo Uva, Jorge Corrula e Virgul, que brincam alegremente, sem preconceitos ou ideias pré concebidas. Falam da importância da imaginação e das brincadeiras entre pais e filhas, onde, no fim, o amor prevalece sempre.

Veja mais em SOCIEDADE

PUB