[wlm_register_Passatempos]
Siga-nos
Topo

Da nutrição ao exercício: o início é sempre fácil

Novo update na viagem que me fez ficar mais saudável e tentar emagrecer 4 kg, com a ajuda de Bruno Ribeiro, nutricionista dos clubes Holmes Place.

Os primeiros três dias são fáceis, e sinto imediatamente os efeitos do plano alimentar e de exercício: sinto-me tonificada e leve, mas ainda há muito a fazer. A balança (sim, Bruno, tenho andado a pesar-me todos os dias) não mexe!

Percebo logo que a minha agenda nem sempre é amiga da dieta: um dia como a quinta-feira desta semana em que tenho um pequeno-almoço de trabalho, seguido de um almoço, seguido de uma reunião, um cocktail às 17h e ainda outro às 19h, dificulta, e muito!, cumprir o plano. Ainda assim, mantenho-me (relativamente) na linha.

O segredo é planear (desde segunda-feira que estou a pensar na melhor solução para este dia que vai ser cheio de tentações) e o segredo está em sugerir eu o sítio do almoço (no qual sei que posso comer de forma saudável) e preparar os snacks em casa de manhã, que ficam no carro numa bolsa térmica. Se houver um plano, é menos provável que coma sem pensar o que me aparecer à frente. Na apresentação do novo perfume da YSL, estou no novíssimo Moules & Wine, no Lx Factory, e há maravilhosos mexilhões (que adoro!) com imensos molhos. Restrinjo-me aos de salsa, tomate e pimentos. Não combina nada bem com água com gás e limão, preferia o copo de vinho branco, mas deixo-o para amanhã, tenho um jantar com amigos e aí sim vou beber um vinho. Neste, inventei uma versão da lasanha mais light, que em vez das placas de massa leva courgette às fatias.

Difícil mesmo foi o fim de semana. Dois dias numa apresentação da Intimissimi em Itália obrigam-me a levantar-me às 6h30, a sete horas de transportes para cada lado (avião + autocarro) e a estar sujeita ao catering do evento. Ainda assim, consigo não falhar completamente, meto barritas de proteína na mala, avelãs, maçã e água. Não consigo fugir do vinho ao jantar, nem dos brownies no cocktail… Mas no dia seguinte pela primeira vez tenho um resultado positivo no teste à resistência ao pequeno-almoço de hotel, que tanto adoro, e só como: ovos mexidos, mozzarella, cogumelos e dois copos de sumo de toranja – a laranja tem muito mais açúcar. Uma minitortilhita de batata remata tudo, e saio a correr, sem olhar para as seis variedades de pão!

Dou mais notícias em breve. Entretanto, pode acompanhar de perto o meu dia a dia da dieta no Instagram.

Imagem de destaque: numa viagem de trabalho, em Berlim, com a Levi’s.

Veja mais em R3dação

PUB