[wlm_register_Passatempos]
Siga-nos
Topo

Da nutrição ao exercício: consulta pós-férias

Novo update na viagem que me fez ficar mais saudável e tentar emagrecer 4 kg, com a ajuda de Bruno Ribeiro, nutricionista dos clubes Holmes Place.

Ter ido 10 dias de férias para o Brasil, escusado será dizer, que não fez bem nenhum ao plano alimentar. Pesámo-nos e estou nos 60,8 kg. Ou seja, aumentei 100 g – quer dizer, aposto que aumentei mais, mas com os líquidos recuperei a tempo do ‘exame’. Bruno é perentório: vamos mudar o plano, temos de fazer um esforço para baixar o peso e é já.

Atingi aquilo a que se chama um plateau na dieta, os primeiros quilos são mais fáceis de perder, e às vezes é preciso voltar a mudar o plano para ele começar a resultar. É isso que fazemos. Menos hidratos ainda. Nada de álcool. Nada de quadradinhos de chocolate. “Combinado, Rita? Faz isto cinco dias seguidos, depois tem um jantar de aniversário, come o que quiser (só nessa refeição) e no dia seguinte de volta logo ao plano. Quando vier aqui, daqui a 10 dias, quero-a abaixo dos 59 kg!”

Glup. Certo. Prometo que sim. E penso: tem mesmo de ser, basta de andar a driblar o plano. Por isto é que é importante estar a ser seguida por um profissional, porque não há desculpas – e eu sou ótima a arranjá-las. Porque com elas posso comer, comer…

Assim, começo no dia seguinte. Muito mais líquidos (de manhã, em vez de um copo de água com sumo de limão, são dois; antes das refeições, um chá feito com gengibre, canela e limão, e os batidos são transformados em sumos – nada de leites de aveia ou coco).

Os três meses deste plano alimentar que tenho seguido o mais fielmente possível, estão quase a terminar…

Dou mais notícias em breve. Entretanto, pode acompanhar de perto o meu dia a dia da dieta no Instagram.

Imagem de destaque: os desafios das férias no Rio de Janeiro, Brasil.

Veja mais em R3dação

PUB